Amiga, ele é ruim de cama – e você nem precisa testar pra saber!


Falem o que quiser: mulheres ficam apaixonadinhas pelos caras quando querem dar. Algumas até fingem que sabem jogar sem sentimento envolvido, mas nem vamos entrar nesse quesito pra não causar polêmica. Fato é que o problema de ficar caidinha pelo bofe resulta em cegueiras momentâneas. Isso quer dizer que talvez a foda seja uma merda, amiga. Porque você não percebe e não consegue avaliar alguns sinais que ele dá de que talvez mande mal (ou, no mínimo, abaixo da média considerada aceitável) na cama. Mas não se preocupe, seus problemas acabaram. Conversando com as amigas, separamos uma lista de indicadores que podem abrir novamente seus olhos e evitar uma transa ruim. PRESTENÇÃO:

Ele não é NADA cavalheiro: O cara não abre as portas pra você, não puxa sua cadeira pra sentar, não pergunta sua opinião pra nada, nem faz menção em pagar sua conta, não faz questão em ser gentil (nem com você, nem com seus amigos e nem com o garçom) e você ainda acha que ele vai ser preocupar com o seu prazer na hora de transar? Não se assuste se ele não se esforçar nem um pouquinho pelo seu orgasmo e ainda quiser que você pague a conta do motel, ok?

Ele já bebeu demais: Amiga, sério que você quer arriscar transar com um presunto? SE o bichinho levantar, vai ser uma merda, porque ele vai gozar rápido demais ou não gozar at all. Frustração certa, evite (ou marque a transa pra outro dia).

Ele beija mal: 8 ou 80. Se o tipo do beijo que o gato te dá é do nível “desentupidor de pia” ou “cadê sua língua, meu filho?” entenda de uma vez que ele não sabe fazer bom uso da língua que tem. E se só no beijinho já deixa a desejar, comece a se perguntar como é a desenvoltura no resto, né?

Ele quer ser o centro: Tá na rodinha de amigos e todo assunto que as pessoas começam a discutir acabam com ele contando vantagem de alguma situação que já passou na vida? Lembre-se daquele ditado que cão que ladra não morde: normalmente quem fala demais, faz de menos (isso sem contar que egocentrismo faz perder pontinhos, né?).

Ele não dança, nada: Concordo que o cara não precisa ser um deus rebolante da salsa e do samba, mas nem arriscar dois pra lá e dois pra cá? Com tanto rebolado quanto um poste, na hora do vamos ver é bem provável que toda a parte que envolve SE MEXER fique somente com você. Transar com presunto feelings.

Ele se ama (muito): No elevador, no banheiro do bar, no espelho do carro ou na vitrine da loja, se ele parar para se admirar em todos eles, é sinal que o narcisismo do bofe está sempre falando mais alto. Não consigo deixar de pensar na cena de vocês transando no motel e ele só querendo fazer pose de marombado no espelho enquanto te come (mal). Tudo bem que é sempre válido dar aquela conferida se não tem alface no dente, mas se ele é mais fã de espelho que você, foge que é roubada, menina!

E se ainda assim, depois de tudo isso você insistir em levar a transa adiante, quase na hora do vamos ver ainda dá tempo de constatar mais algumas coisas:

Ele te chamou pra estender a noite na casa dele e no meio do caminho você descobriu: 1) que ele mora com os pais e 2) os pais estarão em casa. Corre que é cilada, Bino! Já se prepare para aquele olhar de “é essa que o meu filho vai comer hoje”, seguido de muito constrangimento e uma transa bem silenciosa e discreta. Zzzzzzzz… Esse cara vai precisar ser muito bom pra te satisfazer numa situação tão complicada e imatura.

Ele não tem pegada: Entrou em casa, abriu o botão da blusa, colocou um vinho, uma música e está fazendo de tudo pra deixar ele no clima do sexo e tudo que ele consegue fazer é olhar a TV ou falar da sua mobília, esquece. Você está realmente na pilha de se esforçar tanto, correndo risco de chegar ao ponto de perguntar se ele vai te comer ou assistir TV? Eu daria um beijo na testa de boa noite e mandava embora pra me divertir sozinha.

Ele tem dificuldades em tirar sua roupa: O gato tem problemas com botão, zíper, sutiã, sapatos e/ou vestido apertado? Querida, se você tem que ajudá-lo com simples fivelas, certeza que ele nem deve saber onde fica o clítoris. Ponto G, então, nem se fala. Hora de pensar se vale a pena insistir nos próximos passos.

Ele não sabe o que fazer quando já estão pelados: Você está lá, toda linda, seduzente (e nua) e o cara não sabe o que fazer? É de cair o cu da bunda, né? AMIGO, pega a guria de jeito ao invés de ficar só olhando e perguntando onde colocar a mão ou que posição ela quer fazer. Atitude conta muito nessa hora e se você tem que pedir pra ele colocar a mão na sua bunda ou beijar seu peito, prepare-se para brincar de adestradora na hora da transa. Não esqueça do biscoitinho de recompensa ao acabar, tá?

Ele não quer usar camisinha: Particularmente, esse é o pior indício que dali pra frente a coisa vai ser uma merda. COMO ASSIM O NEGO NÃO QUER SE PREVENIR? Eu já começaria a ficar encanada e me perguntando se ele acha que eu sou trouxa o suficiente para aceitar esse tipo de pergunta absurda. Se ele é burro o suficiente pra não querer se cuidar, não espere que ele cuide de você (e fique com medo). Eu mandaria ele embora, aconselho que faça o mesmo.

E aí? O que acharam? Algum item que esquecemos? Algum que você discorda?

[Texto originalmente publicado no blog Sai Daqui]

___________________________________________________________________________

Amanda Armelin

Bocuda, nerd, tatuada. Cervejeira de carteirinha e blogger por acidente. Além do sorriso no rosto, mantém paixão absoluta por bacon e sexo. PS: E não tem vergonha de falar ou demonstrar sentimentos. Segue lá no @amanda_arm e visita o Sai Daqui!

Comentários