Posts in tag

conto erótico


[Você pode ler este texto ao som de “I’ve got you under my skin“] Eu sempre achei o conceito de felicidade um bagulho bem abstrato, mas descobri recentemente que ele tem olhos castanhos. E confesso, tampouco teria notado seu sorriso se não fosse um acaso do destino qualquer me batendo à porta no timing perfeito. …

3 5.7k

Perdoe a minha falta de jeito e a língua ferina, mas: por que você foge do bicho que tem aí dentro, baby? A fera que rosna e mostra os dentes é verdadeiramente quem você é. Tudo que vem com isso é você: sua boca que treme quando os seus olhos deslizam por um dorso nu, …

0 53k

Poucos momentos da sua vida haviam sido tão vergonhosos quanto aquele momento em que ele trocou de posição com ela. Ele estava por cima e, de repente, deslizou pra baixo e a jogou pra cima, como se fosse um passo de dança, uma fluidez tamanha que ele tinha que ser um bailarino secreto nas horas …

0 256

Era conhecida como Lou, tal qual o Reed mais famoso, apelido dado por um magrelo rapaz roqueiro que passava os finais de semana no quintal exibindo sua calça de Robert Plant; tatuada, o desenho, dentre muitas outras espalhadas no seu corpo, que motivou o rapaz a chamá-la assim era um Walk On The Wild Side …

0 480

Há uma frase de uma música do Lulu Santos que nunca me esqueço: “Todo mundo espera alguma coisa de um sábado a noite”. Eu diria não apenas do sábado, mas de uma sexta também, ou de outro dia vadio na semana; se há oportunidade, haverá expectativa. Saí naquela sexta com a maldade no bolso; por …

0 404

Curte foto com o cachorro. Curte foto mais antiga com as amigas. Curte outras quatro imagens sem sentido contendo trechos de textos de escritores anônimos da internet. Faz-se presente nas notificações constantemente – flerte virtual. Respira, pensa, mensura os riscos de uma possível negativa em caso de aproximação. O “oi!” parece pouco; “oi” mais o …

0 296

Marcela era uma brasileira animada, que aos 17 anos já tinha um trejeito sexy e extrovertido, sem exageros que a fizessem parecer vulgar. Morena clara com 1,68m, curvas bem definidas, cabelos longos e seios fartos. Tinha olhos verdes, mãos grandes e uma boca pequena. Andava sempre bem vestida e perfumada: tinha esse costume bobo de …

1 4.2k