O cheiro da camiseta que eu guardei. Senti-o ontem pela última vez antes de, finalmente, tomar coragem para mandar a peça para outra freguesia. Que vá com amor, murmurei para mim. Que vá e acalente quem esteja precisado de um pouco de calor humano. A memória do seu corpo frio; meus lábios contra a sua …

0 448

[Você pode ler este texto ao som de Canto de Ossanha] Engulo seco no canto da sala, um tanto tonta, embasbacada com seus movimentos lentos, sua boca extensa, seu pescoço longo. É uma estátua, veja! Que belo quadro você faria também. É um Boticelli em exposição – e me faltam palavras para dizer algo que …

0 238

[Você pode ler este texto ao som de Kitchen Door] Sabe quando as palavras somem, dindi? Tem sido difícil escrever por mim e pra mim desde que eu comecei a trabalhar com artigos e descrições e projetos para os outros. Há algo de estranho nisso tudo – é como se, quando eu me sentasse para …

0 752

Conta pra ele que esse seu jeito descompassado não veio dele, não, mas de uns tantos que vieram antes. Não é mau moço, o rapaz – tem uns olhos bonitos, um sorriso meio torto, vê. Que lhe falta disposição, é fato. Ainda assim, nada que o tempo e umas duas ou três xícaras de café …

0 266

[Você pode ler este texto ao som de Space Oddity] 10, 9, 8, 7. Escrever é derrubar um muro, Ziggy, eu sei que é. É mais fácil, dizem, escrever do que abrir a boca e deixar que as palavras pulem e façam o caminho até o ouvido do interlocutor. Que é menos pessoal do que …

0 807

Alguns meses sem te ver. Você atende poucos telefonemas, me responde meia dúzia de mensagens, não prolonga as nossas conversas. Eu te digo algumas coisas, também breves e escassas – acho que por medo, acho que por ânsia, acho que pelas duas coisas -, mas saiba: eu contei os dias. Eu contei todo e cada …

1 360

Não é por mal que ela desaparece. Se parece que ela não se importa: isso não é, necessariamente, verdade. Em alguns casos, é. Mas normalmente o que acontece é que ela, cheia de dúvidas e anseios e mergulhada até o pescoço em tudo o que não consegue resolver, prefere erguer as sobrancelhas e mudar de …

1 27.9k

Fui ensinada a obedecer desde que me lembro. Não acho que houve um momento qualquer em que tenham me dado a opção de não fazer isso. Fique quieta, que você não sabe de nada. Não dê sua opinião, que você é nova demais para isso. Não reaja. Passividade também é política. Não fale desse jeito. …

0 243