[Você pode ler este texto ao som de I Wanna Hold Your Hand]

Queria te contar que, ontem, ouvi “I Want to Hold Your Hand” e pensei em você. Eu sei que você ama Beatles, mas não foi só isso. Porque eu nunca tinha pensado em ninguém ouvindo essa música, e, quando ela começou a tocar, foi seu rosto que me veio à mente. E aí eu senti um aperto no estômago porque eu finalmente saquei que tinha acontecido, sabe? Eu evitei e conheci outros caras, eu tentei não puxar papo no Whatsapp, eu até cancelei uns rolês só pra não me apegar demais, mas aí ontem eu me toquei: já era.

Eu queria te contar que é difícil pra caralho assumir quando eu me apaixono. Sabe o que é? Eu quebrei tanto a cara. Fiz meu coração de palhaço pelo menos três vezes só no último ano. Eu tenho talento pra coisa, entende? Sou profissional em me apaixonar por babacas. Por isso, eu nem achei que ia me apaixonar por você. Desde quando eu aceito abrir meu coração pra alguém legal de verdade?

Mas eu queria te contar que acho que foi pela sua risada. Não sei, eu tenho essa impressão de que sua risada é o som que eu mais gosto no mundo inteiro. Eu fecho os olhos aqui agora e consigo te escutar, cê acredita? E talvez tenha sido também pelo seu abraço. Acho difícil não se apaixonar por alguém que abraça do jeito que cê abraça. E faz o mundo inteirinho parar.

Talvez eu devesse te contar também que eu tenho essa impressão boba, quase ingênua, de que a gente pode até dar certo. E que eu nunca tive essa impressão com ninguém. Porque, com todos os outros, mesmo quando eu me jogava de cabeça, mesmo quando eu era idiota e cega e apaixonada, eu já sabia que não ida dar em nada. Eu pulava sabendo que não tavam pulando comigo. Eu ficava só esperando o fim. Mas com você não. Então eu queria te contar que, sei lá, talvez seja você.

Mas acho que eu preciso te contar também que eu não sei. Eu não sei quase nada do amor, eu não sei quase nada dessa coisa de fazer dar certo. E que talvez eu erre. E pode ser que eu te magoe. E que eu não tenho ideia se você sentiu o mesmo, se você andou pensando em mim enquanto escuta a sua música favorita também. Talvez tenha sido apenas comigo e tudo bem, mas eu queria te contar.

Eu queria te contar que aconteceu.

I wanna hold your hand…